quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Operadora do Paquistão causou a queda do You Tube em dois terços do planeta.

  Na noite da última terça-feira (16/10), o YouTube ficou fora do ar para boa parte dos seus usuários. Depois de algumas horas – e um ligeiro pânico por parte do público - o serviço foi restabelecido. Agora, passada a tempestade, foi descoberta a causa do crash: uma barbeiragem de uma operadora do Paquistão, que queria censurar o trailer de um filme considerado anti-islâmico. E acabou derrubando o acesso ao serviço de vídeos do Google em dois terços do planeta.
  Sim, é isso mesmo. Mas vamos do começo, que a história é boa: na última sexta-feira (12/10), a Autoridade de Telecomunicações do Paquistão ordenou que 70 provedores de serviços de internet bloqueassem o acesso ao YouTube, por causa do trailer de um filme do holandês Geert Wilders, que retrata o Islã como fascista e propenso a incitar a violência contra mulheres e homossexuais.

essa materia:    Facebook  Twitter  Google+

0 comentários: