quinta-feira, 6 de setembro de 2018

Suspeito de agredir Bolsonaro é ativista comunista.

     
A Polícia Militar de Minas Gerais identificou o autor do ataque contra Jair Bolsonaro como Adélio Bispo de Oliveira, natural da cidade mineira de Montes Claros. 


Em seu perfil no Facebook, o agressor postou diversas mensagens, críticas ao candidato do PSL. Além disso, Oliveira participou de atos contra o presidente Michel Temer e pela libertação de Luiz Inácio Lula da Silva, além de imagens da bandeira do Brasil com o símbolo do comunismo.

Fonte: https://istoe.com.br/suspeito-de-agredir-bolsonaro-e-ativista-comunista/
essa materia:    Facebook  Twitter  Google+

0 comentários: