quarta-feira, 25 de julho de 2018

Hospital Municipal de Pedreiras vem caprichando na Alimentação Hospitalar!

   

  Os ataques contra o Governo Honra e Trabalho começaram novamente, e dessa vez foi referente ao tipo de alimentação que é servida no Hospital Municipal de Pedreiras, onde dizem que " somente sardinha é servida nos cardápios".

    Diante dessa suposta afirmação, fomos averiguar se de fato o que se dizem por aí, é verídico. Resultado ? Não é ! A informação é falsa e pelo contrário, há um cardápio diferenciado, muito bem preparado, tudo elaborado por uma equipe de profissionais extremamente competentes!


Cardápio atual dos servidores



  Nesse processo há o acompanhamento de duas profissionais em Nutrição que prestam todo suporte necessário na alimentação, que como frisamos anteriormente , trata-se de um cardápio diferenciado, pois como se trata de um hospital, cada alimentação é baseada conforme a patologia de cada um, mas de onde surgiu essa ideia de que " somente sardinha é servida no cardápio " ?

  Tudo indica que seja devido a torta de sardinha ter sido incluída no cardápio que é atualizado quinzenalmente. A nutricionista Jocyelle Lima explicou como funciona o sistema do cardápio quinzenal

Jocyelle Lima - nutricionista



“Temos um cardápio quinzenal para nossos servidores, incluindo carne vermelha, frango, salada e macarrão, mas com uma variação. Temos várias opções para funcionários, e em relação aos pacientes, é feito individualmente, a partir do acompanhamento da visita médica, realizada logo cedo, então providenciamos as refeições de acordo com a patologia de cada um, respeitando, por exemplo, aos diabéticos, em que servimos arroz integral, mas sem descuidar em nenhum momento da qualidade e do valor nutricional” .

A nutricionista citou como exemplo a sardinha, que ela afirma ser um alimento rico em ômega 3, ferro e vitaminas, e acrescentou que as refeições são servidas em recipientes de “quentinhas” fechadas, numa quantidade recomendável e dentro dos padrões, contendo arroz, feijão, carne ou outros acompanhamentos como a torta de sardinha, por exemplo, além de saladas e sucos.


Em relação ao servidores, a direção do Hospital também instituiu um controle de refeições para os servidores, que segundo informações da administração, foi criada para melhor atender aos plantonistas. 

“As refeições são servidas de 12:30 às 14:00 horas, entretanto a rotina hospitalar é muito imprevisível, e às vezes o funcionário estava atendendo algum paciente de emergência, por exemplo, não tendo tempo para almoçar dentro desse horário, ficando às vezes até mesmo sem almoçar, então criamos uma lista com os plantonistas e distribuímos as senhas a eles, assim, mesmo que ele não possa almoçar dentro do horário estipulado, seu nome constará na lista e sua comida ficará reservada, desta forma, o servidor fará a refeição mesmo após o horário determinado, com isso resolvemos este problema”, explicou o coordenador administrativo, Elimilton Castro.


 Podemos concluir que além da boa alimentação, tudo é muito bem organizado no Hospital Municipal de Pedreiras!
   
Nos bastidores da cozinha do Hospital Municipal de Pedreiras






essa materia:    Facebook  Twitter  Google+

0 comentários: